Retirada da mensagem

20/11/2012

Ministério Público Federal quer retirar a mensagem “Deus seja Louvado” das cédulas de reais

A Procuradoria da República em São Paulo propôs ação perante a Justiça Federal para que seja retirada a expressão "Deus seja louvado" das cédulas de reais. A ação civil pública pede, em caráter liminar, que seja dado um prazo de 120 dias à União para que as notas passem a ser impressas sem a frase. Assim, a medida não vai gerar gastos aos cofres públicos, segundo o Ministério Público Federal em São Paulo.

"O Estado brasileiro é laico, portanto, deve estar completamente desvinculado de qualquer manifestação religiosa", explica o MPF.

O Procurador Regional dos Direitos do Cidadão Jefferson Aparecido Dias reconhece que a maioria da população segue religiões de origem cristã (católicos e evangélicos), mas lembra que o país é um Estado laico. "Imaginemos a cédula de real com as seguintes expressões: 'Alá seja louvado', 'Buda seja louvado', 'Salve Oxóssi', 'Deus Não existe'", argumenta.

 

Matéria Editada / Divulgação: Para ler esta matéria na íntegra visite: http://oab-rj.jusbrasil.com.br/noticias/100180599/procuradoria-quer-mensagem-deus-seja-louvado-fora-das-cedulas